segunda-feira, 7 de março de 2016

ESTUDOS SOBRE FEMINISMOS - GEPEM/UFPA - CALENDÁRIO DE ESTUDOS 2016



ESTUDOS SOBRE FEMINISMOS- GEPEM/UFPA - CALENDÁRIO DE ESTUDOS 2016

PLANO DE METAS 

LINHAS DE PESQUISAS – GEPEM
I SEMESTRE 2016

APRESENTAÇÃO

       Prosseguindo nas atividades de estudos, pesquisa e extensão com base nas sete Linhas de Pesquisa que estruturam o GEPEM/UFPA, as/os associadas/os desse grupo acadêmico reuniram-se para escolher um tema que contemplasse as demandas teóricas e práticas do contexto atual em que se desenvolvem as discussões sobre a situação das mulheres e gêneros em todos os âmbitos da conjuntura brasileira. Dessa forma, desde janeiro do corrente ano, as reuniões entre as/os associados/as trouxeram significativos debates e pontos de discussão, culminando na escolha do tema FEMINISMOS para desenvolver os seminários mensais dos/as interessados/as nesses estudos. Objetiva-se conhecer e reconhecer as particularidades e similaridades do enfoque, assim como compreender quais teorias, correntes e pensamentos sociais, culturais, políticos e econômicos influenciaram a teoria feminista. E trouxeram para o campo da prática processos pontuais de desafios constituindo-se em ações que têm propiciado a luta e a conquista dos direitos das mulheres e gêneros.  
     Os seminários iniciarão neste mês de março e contemplarão alguns/as autoras/es que têm marcado a discussão teórica em nível nacional e internacional. As temáticas específicas que nortearão esses estudos, além dos dias da semana e do local estão registrados abaixo. Proposição e Realização são os lemas deste plano de metas.

Temas específicos:
1.   Feminismo e Liberalismo
2.   Feminismo Radical
3.   Feminismo Lésbico
4.   Feminismo Transgênero ou Transfeminismo
5.   Feminismo Ecológico ou Ecofeminismo
6.   Feminismo Interseccional
7.   Feminismo Negro


METODOLOGIA:
A metodologia dos estudos será: leitura e discussão de textos teóricos sobre os temas, além da exibição de vídeos, roda de conversa com pessoas ligadas aos movimentos sociais que estejam integrados nestas discussões.
A metodologia é da Leitura Dirigida:  leitura do texto  previamente fornecido as/aos participantes, sobre o assunto a ser estudado, enfocando o tema a ser lido. A leitura é individual, sendo comentada sistematicamente, com supervisão de um/a coordenador/a. No final, este/a faz a síntese das ideias levantadas, ressaltando os pontos chaves a serem observados.


   
  1. DATAS SEMANAIS:
Terças feiras (duas mensais)
  2.  HORÁRIO:
14:00h às 17:00h
  3.   LOCAL:
Sala do GEPEM (IFCH/Campus Universitário do Guamá)

INSCRIÇÃO : As//aos que estão interessados no tema, as inscrições poderão s er feitas pelo email secretariagepem@gmail.com 
ou na sala do GEPEM na hora inicial do seminário.

Obs. Neste post está registrada a programação dos meses de março e abril.

Calendário das Linhas de Estudo do GEPEM
(I Semestre – Março e Abril )
Textos e Vídeos
MARÇO
15/03 – Introdução ao pensamento, estudos e teorias feministas. Feminismos ou movimento de mulheres? Cf. Outhwaite, William; Bottomore, Tom; Gellner, Ernest; Nisbet, Robert; Touraine, Alain. Dicionário do pensamento social do Século XX — Rio de Janeiro: Jorge Zahar. Ed., 1996.
Vídeo: Nós deveríamos todos ser feministas- Chimamanda Ngozi Adichie- https://www.youtube.com/watch?v=fyOubzfkjXE

Texto 01: Re-criando a categoria (mulher), Adriana Piscitelli, 2001

Texto 02: PINTO, Celi Regina Jardim. Feminismo, História e Poder. In: Revista de Sociologia e Política. V.18, n36: 15-23, jun.2010. http://www.scielo.br/pdf/rsocp/v18n36/03.pdf

(Ver On line) <<Movimento de mulheres>>

29/03 – Estudo sobre Feminismo e Liberalismo
Texto 01: CYFER, Ingrid. Liberalismo e Feminismo: igualdade de gênero em Carole Pateman e Martha Nussbaum.In: Revista de Sociologia e Política. V. 18, n36, 135-146, jun.2010.

Texto 02: DA SILVA, André Luís, VENTURA, Raissa Wihby e Kritsch, Raquel. O Gênero público: críticas feministas ao liberalismo e seus desdobramentos. In. Mediações. Londrina, V. 14, no 2, p. 52-82, Jul/Dez, 2009. 

ABRIL

12/04 – Estudos sobre Feminismo Radical
Texto 01: ROWLAND, Robyn; KLEIN, Renate. Radical Feminism: History, Politics, Action. In: Radically Speaking: Feminism Reclaimed. North Melbourne, Victoria: Spinifex Press, 1997. p. 9-17 (texto original). “Feminismo radical – História, Política e Ação (parte)”. Tradução Maria da Silva. Ver em: https://materialfeminista.milharal.org/2013/07/25/traducao-feminismo-radical-historia-politica-acao-parte/
Leitura de imagens referentes ao Feminismo radical. Exemplo às imagens abaixo (outras podem ser inseridas).
VídeoLierre Keith (escritora norte-americana, feminista radical e ambientalista) comenta sobre as diferenças entre o pensamento liberal e o radical: https://www.youtube.com/watch?v=YkXrS0NnQM0

26/04 – Estudos sobre Feminismo lésbico
Texto 01: RICH, Adriene. Compulsory Heterosexuality and Lesbian Existence. In: GELP, Barbara C. & GELP, Albert (editores). Adriene Rich’s Poetry and Prose.New York/London: W.W. Norton& Company, 1993.
Texto 02: BRANDÃO, Ana Maria. Lesbianismo, Feminismo e Activismo Gay: alianças difíceis. In: LES Online. Vol.1, n.1, 2009. Cf. http://repositorium.sdum.uminho.pt/bitstream/1822/9977/1/Lesbianismo%2c%20feminismo%20e%20activismo%20gay.PDF
Texto 03: MAGALHÃES, Maria José. Feminismos e Lesbianismo: Derrubando o mito da Lavande menace. In: LES Online. Vol. 1, n.2, 2010. Cf. https://www.researchgate.net/publication/259577566_Feminismos_e_lesbianismo_Derrubando_o_mito_da_Lavender_Menace
VÍDEO:  Visibilidade de Mulheres Lésbicas e Bissexuais - https://www.youtube.com/watch?v=NEyIKJZhze0